O discurso do prazer: uma análise semiótica dos memoriais acadêmicos

Mariana Luz Pessoa de Barros

Resumo


Propomos um estudo semiótico discursivo do éthos do enunciador dos memoriais acadêmicos produzidos na Faculdade de Letras e no Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo, dos anos 70 aos dias atuais. Tal estudo permite observar algumas mudanças pelas quais o gênero passou e seus efeitos sobre a projeção do éthos. Destacam-se entre as diversas mudanças, o efeito de singularidade e a dimensão do prazer, ambos incorporados como exigência de grande parte dos memoriais mais recentes.


Palavras-chave


éthos; enunciação; semiótica; memorial acadêmico

Texto completo:

PDF

Referências


ANGYALOSSY, V. Memorial. 2006. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Livre-Docência junto ao Departamento de Botânica) – Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo.

ARRIGUCCI Jr., D. Memorial. 1990. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Livre-Docência junto ao Departamento de Teoria Literária) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

BARROS, M. L. P. O discurso da memória. Entre o sensível e o inteligível. 2011. 307 f. Tese (Doutorado em Semiótica e Linguística Geral) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

BERTRAND, D. Caminhos da semiótica literária. Tradução do Grupo Casa. Bauru: Editora da Universidade do Sagrado Coração, 2003.

CANDIDO, A. Memorial. 1974. Memorial acadêmico (Memorial apresentado ao concurso para provimento de um cargo de Professor Titular no Departamento de Linguística e Línguas Orientais) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

DISCINI, N. Memorial. 2002. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso para provimento de um cargo de Professor Doutor no Departamento de Linguística) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

DISCINI, N. O estilo nos textos. São Paulo: Contexto, 2003.

DISCINI, N. Semiótica: da imanência à transcendência (questões sobre estilo). Revista Alfa, São Paulo, Unesp, v. 53, n. 2, p. 595-617, 2009.

FIORIN, J. L. As astúcias da enunciação. São Paulo: Ática, 1996.

GREIMAS, A. J. Da imperfeição. Tradução de Ana Cláudia de Oliveira. São Paulo: Hacker, 2002.

GREIMAS, A. J.; COURTÉS, J. Dicionário de semiótica. Tradução de Alceu Dias Lima et al. São Paulo: Cultrix, 2008.

ILARI, R. Memorial. 1996. Memorial acadêmico (Memorial apresentado ao concurso para provimento de um cargo de Professor Titular no Departamento de Linguística) – Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas.

LAFETÁ, J. L. Memorial acadêmico. In: Homenagem a João Luiz Lafetá. São Paulo: Nova Alexandria, 1999. p. 13-40.

LEITE, M. Q. Memorial. 2006. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Livre-Docência junto ao Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas) –Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

MAGALHÃES, L. E. Memorial. 1978. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Professor Adjunto no Departamento de Biologia) – Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo.

MAINGUENEAU, D. Ethos, cenografia, incorporação. In: AMOSSY, R. (Org.). Imagens de si no discurso: a construção do ethos. Tradução de Dilson Ferreira da Cruz et al. São Paulo: Contexto, 2005. p. 69-92.

MATIOLI, S. R. Memorial. 2001. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Livre-Docência junto ao Departamento de Biologia) – Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo.

NEVES, W. Memorial. 2007. Memorial acadêmico (Memorial apresentado ao concurso para provimento de um cargo de Professor Titular no Departamento de Genética e Biologia Evolutiva) – Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo.

PARRET, H. Sutures sémiotiques. Limoges: Editions Lambert-Lucas, 2006.

PETTER, M. M. T. Memorial. 2008. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso de Livre-Docência junto ao Departamento de Linguística) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

URSI, S. Memorial. 2007. Memorial acadêmico (Memorial apresentado no concurso para provimento de um cargo de Professor Doutor no Departamento de Botânica) – Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo.

ZILBERBERG, C. Louvando o acontecimento. Tradução de Maria Lucia Vissotto Paiva Diniz. Revista Galáxia, São Paulo, v. 7, n. 13, p. 13-28, jun. 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)