Análise da tradução para o português do conto “The Bloody Chamber”, de Angela Carter, por Carlos Nougué

Sarah dos Santos

Resumo


Este trabalho visa a analisar a tradução para o português do original em inglês do conto “The Bloody Chamber”, de Angela Carter, cujo título em português é “O quarto do Barba Azul”, verificando-se a utilização da linguagem na escolha de palavras, estilística e semântica da língua portuguesa na tradução realizada por Carlos Nougué. A importância deste estudo é chamar a atenção para a fidelidade ou adaptação de um texto original para a língua para o qual ele é traduzido, levando em consideração a maneira como esse texto é exposto para a língua de chegada. A intenção é cotejar e pontuar as diferenças que um texto traduzido tem com relação ao texto original, levando em consideração diversos fatores a serem discorridos ao longo do trabalho, e também tem a intenção de chamar a atenção para a qualidade com que esse texto deve ser traduzido, e como isso demanda o trabalho de um profissional comprometido.


Palavras-chave


tradução; tradução literária; análise tradutória

Texto completo:

PDF

Referências


ARROJO, Rosemary. Tradução, desconstrução e psicanálise. Rio de Janeiro: Imago, 1993.

ARROJO, Rosemary. (Org.). O signo desconstruído: implicações para a tradução, a leitura e o ensino. Campinas: Pontes, 1992.

BOHUNOVSKY, Ruth. A (im)possibilidade da “invisibilidade” do tradutor e da sua “fi delidade”: por um diálogo entre a teoria e a prática de tradução. Periódicos UFSC: Cadernos de Tradução, Florianópolis, v. 2, n. 8, p. 51-62, 2001. Disponível em https://periodicos.ufsc.br/index.php/traducao/article/download/5884/5564 . Acesso em: 24 dez. 2012.

BREZOLIN, Adauri. Sugestões práticas para o ensino da tradução. Todas as letras: Revista de língua e literatura, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 137-146, 2003. Disponível em: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/tl/article/view/968/698 . Acesso em: 10 out. 2012.

BRITTO, Paulo Henriques. Caetano Galindo. Ele traduziu uma das obras mais complexas da literatura mundial – Ulysses, de James Joyce. Revista Época, São Paulo, n. 761, 17 dez. 2012.

CALLOU, Dinah. Dinâmica do específi co e do genérico: artigo defi nido e construções existenciais. Veredas, revista de estudos lingüísticos, Juiz de Fora, v. 4, n. 2, p. 81-88, 2009. Disponível em: http://www.ufjf.br/revistaveredas/fi les/2009/12/artigo67.pdf . Acesso em: 19 jun. 2015.

CAMPOS, Rosalind Moraid. Caminho(s) para o cotejamento e avaliação das traduções literárias. Revista Integração, São Paulo, n. 43, Ano XI, p. 383-390, out-nov-dez 2005. Disponível em: ftp://ftp.usjt.br/pub/revint/383_43.pdf . Acesso em: 17 dez. 2012.

CARDELLINO, Pablo; COSTA, Walter Carlos. Carlos Ancêde Nougué. Dicionário de tradutores literários no Brasil. Santa Catarina, cidade? 2005. Disponível em: . Acesso em: 12 dez. 2012.

CARTER, Angela. O quarto do Barba-Azul. Tradução de Carlos Nougué. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

CARTER, Angela. The bloody Chamber. New York: Penguin, 1993.

CHEVALIER, Jean; GHEERBRANT, Alain. Dicionário de símbolos: mitos, sonhos, costumes, gestos, formas, fi guras, cores, números. 18. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2003.

FRIO, Fernanda. As fronteiras entre tradução e adaptação: da equivalência dinâmica de Nida à tradaptação de Garneau. Tradterm – USP, São Paulo, v. 22, p. 15-30, 2013. Disponível em: . Acesso em: 20 jun. 2015. PEACH, Linden. Angela Carter. New York: St. Martin’s Press, 1998.

RAPUCCI, Cleide Antonia. De lobas e mulheres: tessituras da subjetividade na representação feminina em dois contos de Angela Carter. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DA ABRALIC. TESSITURAS, INTERAÇÕES, CONVERGÊNCIAS, 11., São Paulo, 13 a 17 de julho de 2008, USP, São Paulo. Disponível em: http://www.abralic.org.br/anais/cong2008/AnaisOnline/simposios/pdf/017/CLEIDE_RAPUCCI.pdf. Acesso em: 4 out. 2012.

RAPUCCI, Cleide Antonia.. Exposta ao vento e ao sol: a construção da personagem feminina na fi cção de Angela Carter. 1997. 380 p. Tese (Doutorado em Letras. Área de Concentração: Literatura Inglesa) – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Assis.

TAVARES, Ana Cristina; LOPES, José Manuel. Prolegómenos a um Esquema Analítico para a Crítica de Traduções Literárias. Revista Babilónia, Porto, n. 02/03, p. 80-90, 2005. Disponível em: http://revistas.ulusofona.pt/index.php/babilonia/article/view/1754/1407. Acesso em: 16 set. 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)