Um útero é do tamanho de um punho, ou sobre as interdições do feminino

Gisele Novaes Frighetto

Resumo


Um útero é do tamanho de um punho, livro de poemas de Angélica Freitas, foi publicado em 2012. Nele, há uma poética caracterizada pelos versos livres, linguagem coloquial, experimentalismo linguístico, paródia, irreverência e iconoclastia. Outra qualidade é a temática feminista e de gênero. Este artigo propõe uma análise do poema-título que, além de considerações estéticas, centre-se na investigação de fundo discursivo quanto às interdições sofridas pelas mulheres em sociedades contemporâneas latino-americanas.


Palavras-chave


Um útero é do tamanho de um punho; Angélica Freitas; Poesia brasileira contemporânea; Feminismo

Texto completo:

PDF

Referências


AMARAL, Ana Luísa. Desconstruindo identidades: ler Novas Cartas Portuguesas à luz da teoria queer. Cadernos de Literatura Comparada, n. 3/4, dez. 2001. Disponível em: < http://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/23339/2/analuisaamaraldesconstruindo000094787.pdf>. Acesso em: 22 maio 2015.

BEAUVOIR, Simone. O segundo sexo. 4. ed. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970. Vol. 1.

BEAUVOIR, Simone. O segundo sexo. 2. ed. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1967.Vol. 2.

BOURDIEU, Pierre. A dominação masculina. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.

BÜRGUER, Peter. Teoria da vanguarda. São Paulo: Cosac Naify, 2008.

BUTLER, Judith. Gender trouble: feminism and the subversion of identity. New York: Routledge, Chapman & Hall, 1990.

CORTÊS, Natacha. Um útero é do tamanho de um punho. Revista TPM. 26.10.2012. Disponível em: .Acesso em: 11 jan. 2013.

CUNHA, Paula C. R. da R. de M. Da crítica feminista e a escrita feminina. Criação & Crítica, n. 8, 2012, p. 1 – 11. Disponível em: . Acesso em: 22 maio 2015.

DICIONÁRIO HOUAISS. Disponível em: . Acesso em: 11 jan.2013.

FREITAS, Angélica. Rilke shake. São Paulo: Cosac Naify, 2007.

FREITAS, Angélica. Um útero é do tamanho de um punho. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

FREITAS, Angélica; SILVA, Odyr. Guadalupe. São Paulo: Quadrinhos na Cia., 2012.

GIDDENS, Anthony. A transformação da intimidade: sexualidade, amor e erotismo nas sociedades modernas. São Paulo: Unesp, 1993.

GOLDSTEIN, Norma. Versos, sons, ritmos. 12. ed. São Paulo: Ática, 1999.

RAMALHO, Maria I. A sogra de Rute ou intersexualidades. In: SANTOS, Boaventura de S. (Org.). A globalização e as ciências sociais. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2002. p. 541-572.

SCHWARZ, Roberto. O país do elefante. Folha de São Paulo. 10/03/2002. Disponível em: . Acesso em: 11 jan. 2013.

SIMON, Iumna M. Situação de sítio. Novos estudos, São Paulo, n. 82, p. 151-165, nov. 2008.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)