Apontamentos fonológicos sobre as listas de palavras guató (Macro-Jê)

Adriana Viana Postigo

Resumo


Este trabalho tem por objetivo apresentar alguns apontamentos sobre a fonologia da língua guató e as listas de palavras e frases de Castelnau (1851), Rondon (1938) e Wilson (1959). As
comparações apontadas referem-se aos segmentos consonantais, vocálicos, sequências de vogais idênticas, padrões silábicos e codas silábicas possíveis. Os dados desses autores foram comparados com dados atuais, que foram coletados por mim com o auxílio de três colaboradores por meio de pesquisa de campo (POSTIGO, 2009).1 A língua guató, no que se refere à filiação genética, está classificada como pertencente à família guató, no tronco linguístico Macro-Jê (RODRIGUES, 1986). O povo guató, estimado em 370 indígenas, vive na aldeia beraba, na Ilha Ínsua, entre as lagoas Uberaba e Gaíva, no alto Pantanal, pertencente ao município de Corumbá, em Mato Grosso do Sul.


Palavras-chave


Línguas Indígenas; Fonologia; Língua Guató.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)