Nostalgia em editoriais da Revista Ferrovia: um estudo discursivo

Alana Destri, Anselmo Lima

Resumo


O sentimento de nostalgia é a expressão de saudade por algum aspecto prazeroso do passado ao mesmo tempo em que se deseja retornar àquele momento. Devido ao fato de a nostalgia ser algo inerente ao ser humano, ela permeia os enunciados deste. Logo, se faz relevante compreender esse sentimento do ponto de vista do discurso. Tendo isso em vista, este artigo teve como objeto de estudo o discurso nostálgico analisado a partir de um corpus que compreende 87 editoriais da Revista Ferrovia publicados entre os anos 1935 e 1982. O estudo fundamenta-se primordialmente na teoria dos gêneros discursivos de Bakhtin. Levando a citada teoria em consideração, o objetivo geral foi observar a forma relativamente estável da manifestação da nostalgia no discurso presente nos editoriais. Como resultado, certo padrão de manifestação foi identificado e descrito, ampliando, assim, a compreensão do fenômeno como algo profundamente discursivo e como traço fundamental do coletivo ferroviário.


Palavras-chave


Gênero do discurso. Editorial. Nostalgia. Ferrovia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21165/gel.v16i1.2082

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.