UMA ANÁLISE DO ESTATUTO COMUNICATIVO DAS ORAÇÕES INTRODUZIDAS POR AUNQUE À LUZ DA GRAMÁTICA DISCURSIVO-FUNCIONAL

Talita Storti Garcia

Resumo


Este estudo analisa, com base na teoria da Gramática Discursivo-Funcional, o estatuto comunicativo de contextos oracionais introduzidos por aunque no espanhol falado. De acordo com a literatura da língua espanhola, aunque pode expressar concessão ou adversidade. A Gramática Discursivo-Funcional reconhece a proximidade entre esses dois tipos semânticos, concebida no modelo como função retórica Concessão. De acordo com a teoria, a concessão pode ocorrer como função semântica ou retórica. Nesse último caso, em espanhol, os juntores que assinalam essa relação no processo de codificação morfossintática podem ser aunque ou pero. Os resultados mostram que a diferença de uso entre aunque e pero se dá em função do estatuto do Ato Discursivo envolvido na representação subjacente.

Palavras-chave


Funcionalismo. Concessão. Adversidade. Espanhol. Aunque. Pero

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21165/gel.v17i1.2755

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.