Tendências de normalização na tradução para o inglês de as mulheres de Tijucopapo

Grace Gonçalves GRIGOLETO, Diva Cardoso de CAMARGO

Resumo


 O presente artigo tem por objetivo analisar possíveis tendências de normalização por parte da tradutora Irene Matthews na tradução para o inglês da obra As mulheres de Tijucopapo, de Marilene Felinto. A metodologia situa-se no campo dos estudos da tradução baseados em corpus (proposta de BAKER, 1993, 1995, 1996, 2000; estudos sobre normalização de SCOTT, 1998; e pesquisas de CAMARGO, 2005, 2007), e no da linguística de corpus (estudos de BERBER SARDINHA, 2003, 2004). A pesquisa foi realizada por meio de uma combinação de análises semimanuais e de análises computadorizadas com o auxílio do programa WordSmith Tools. Com base em Scott (1998), examinamos a tradução de cinco vocábulos considerados preferenciais da autora, juntamente com seu cotexto, em relação a três características de normalização. Os resultados finais mostram que Matthews tende a usar estratégias que podem ser identificadas como características de normalização.


Palavras-chave


Tradução Literária. Estudos da Tradução Baseados em Corpus. Linguística de Corpus. Normalização. Literatura Brasileira Traduzida. Marilene Felinto.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.