A constituição e desconstituição dos termos linguagem, língua e fala de Saussure

Thayanne Raísa Silva e Lima

Resumo


Neste artigo serão apresentadas a constituição e a desconstituição dos termos linguagem, língua e fala de Ferdinand de Saussure. Para analisarmos a constituição dessa tripartição, passamos primeiramente por um de seus manuscritos, chamado Primeira Conferência na Universidade de Genebra, de 1891, e, em segundo, pelo manuscrito intitulado Notas para o Curso II, de 1909, fazendo nota do processo em que surgiram as delimitações dessa tripartição. Contudo, notamos que o trabalho de Saussure pode ter sido desconstituído a partir das traduções do Curso para a língua inglesa, uma vez que elas apresentam distintas traduções para esses três termos. Portanto, dividimos o trabalho em quatro momentos diferentes. Primeiro: apresentação dos manuscritos mais antigos; segundo: manuscritos mais próximos às datas dos cursos; terceiro: a consolidação dos termos no CLG (Curso de Linguística Geral); e quarto: a desconstituição nas traduções.

Palavras-chave


Saussure, manuscritos, tripartição, tradução.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)