Estilística e estilo no Círculo de Bakhtin e no Idealismo Alemão: um estudo comparativo entre as bases dialógica e monológica na ciência da linguagem

Taciane Domingues

Resumo


Neste artigo, contrapusemos a noção de estilo e estilística de Karl Vossler, representante máximo da Idealistische Neuphilologie (Filologia Idealista Moderna), à do Círculo de Bakhtin, com apoio em obras de Mikhail M. Bakhtin e Valentin N. Volóchinov. Elegemos dois conceitos-chave de ambas vertentes para discorrer sobre as bases monológica e dialógica de seus métodos: o monólogo autoral, presente na concepção de Vossler e enraizado em sua herança romântica e idealista, e o heterodiscurso social, cunhado por Bakhtin segundo bases dialógicas. Com esses conceitos em foco, comparamos análises estilísticas feitas por Vossler e por Bakhtin e ressaltamos que suas diferenças sinalizam uma transição na investigação linguística, sendo a mais fundamental que o dialogismo trouxe à análise estilística a concepção do romance não mais como uma obra que mostra o gosto linguístico, a originalidade e o gênio criativo de seu autor, mas sim como a representação ou imagem de uma língua permeada por visões ideológicas contraditórias.


Palavras-chave


Círculo de Bakhtin; idealismo; estilo; estilística; linguística

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, M. Teoria do romance I: A Estilística. Tradução de Paulo Bezerra. São Paulo: Editora 34, 2015.

CANDIDO, A. O Romantismo, nosso contemporâneo. Resumo da aula inaugural no Departamento de Letras da PUC-Rio. Jornal do Brasil, 19 mar. 1988.

HEGEL, G. W. F. Werke 14: Vorlesungen über die Ästhetik II. Frankfurt am Main: Suhrkamp Verlag, 1970.

KREMER, D. Romantik. Suttgart: J. B. Metzler Verlag, 2015.

MACHADO, I. L.; SOUSA, J. M. C. de. A função transgressiva dos múltiplos sujeitos nos gêneros discursivos. Bakhtiniana, São Paulo, 6 (1), p. 111-128, ago./dez. 2011.

PUZZO, M. B. Dialogismo bakhtiniano e a estilística vossleriana. Bakhtiniana, São Paulo, 12 (1), p. 134-153, jan./abr. 2017.

SCHILLER, F. Tabulae Votivae. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2017.

SCHLEGEL, F. Athenäums Fragmente. Disponível em: . Acesso em: 01 mar. 2017.

VOLÓCHINOV, V. N. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. Tradução de Sheila Grillo e Ekaterina Vólkova Américo. São Paulo: Editora 34, 2017.

VOSSLER, K. Gesammelte Aufsätze zur Sprachphilosophie. Munique: Max Hueber Verlag, 1923.




DOI: https://doi.org/10.21165/el.v47i2.1914

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978)