A ausência da figura do feminino nas propagandas híbridas da “cerveja crystal”

Ana Cristina CARMELINO

Resumo


Este artigo analisa algumas propagandas da “Cerveja Crystal” publicadas na Revista Veja (edições de 2006) que, além de se constituírem como híbridas, se marcam como uma contraposição em relação às propagandas de cerveja em geral, visto que não apresentam o estereótipo da mulher. Partindo da perspectiva teórica sócio-interativa, buscamos refletir sobre a dinamicidade e plasticidade do gênero, demonstrando não só que a intertextualidade intergêneros consiste em uma estratégia de persuasão, mas também o que o silêncio da “Crystal” em relação à figura da mulher significa.


Palavras-chave


Sociointeracionismo. Intergênero. Explícito. Implícito. Propaganda.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.