Pesquisa e ensino de escrita: letramento acadêmico e etnografia

Raquel Salek Fiad

Resumo


Apresento, neste artigo, uma perspectiva etnográfica como embasamento para a pesquisa sobre escrita acadêmica e também para o ensino de escrita acadêmica. Para isso, inicialmente, confronto essa perspectiva com a tradição de pesquisas e de ensino de escrita embasada em teorias textuais e discursivas, que é a predominante no contexto brasileiro. Em seguida, apresento diferentes possibilidades de se usar a etnografia na pesquisa sobre escrita acadêmica, mostrando seus ganhos e limites, e defendo a possibilidade de se assumir a etnografia como teoria, como perspectiva de análise da linguagem. A noção de indexicalização é fundamental nessa abordagem proposta. Finalmente, apresento consequências para um ensino de escrita também embasado em uma perspectiva etnográfica como teoria.

 


Palavras-chave


Letramento acadêmico, Etnografia, História do texto, Pesquisa sobre escrita acadêmica, Ensino de escrita acadêmica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21165/gel.v14i3.1867

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.